Caminhada rota recomendada

PR2 MCV - Caminho do Xisto do Gondramaz - Nos Passos do Moleiro

Caminhada · Portugal
Responsável por este conteúdo:
Aldeias do Xisto Parceiro verificado  Escolha dos Exploradores 
  • Aldeia de Gondramaz
    Aldeia de Gondramaz
    Foto: Aldeias do Xisto
m 600 500 400 300 200 100 5 4 3 2 1 km
O Caminho do Xisto do Gondramaz - Nos Passos do Moleiro é um percurso linear e liga a Aldeia do Xisto do Gondramaz ao Parque de Merendas da Chapinha. Pode ser feito nos 2 sentidos.
moderado
Distância 5,5 km
2:40 h
85 m
447 m
643 m
231 m
 O Caminho do Xisto do Gondramaz - Nos Passos do Moleiro é um percurso linear. Pode ser efetuado nos dois sentidos e liga a Aldeia do Xisto do Gondramaz ao Parque de Merendas da Chapinha, embrenhando-se no vale que culmina na Ribeira de Espinho. Devido à proximidade do leito da ribeira, parte do percurso encontra-se condicionado nos meses de inverno e em dias de muita precipitação. Um acesso à aldeia do Galhardo permite sair do percurso a meio, evitando o troço condicionado para quem desce do Gondramaz. Junto à aldeia é ainda possível fazer uma derivação do percurso para visitar o Penedo dos Corvos.

Conselho do autor

Aprecie as paisagens e percorra as ruas estreitas do Gondramaz, onde o xisto ganha outro colorido e figuras esculpidas animam as paredes.

Reserve o seu alojamento, experiência e refeição em Book in Xisto

Foto do perfil de Catarina Almeida - ADXTUR
Autor
Catarina Almeida - ADXTUR
Atualizado: 08.11.2022
Dificuldade
moderado
Técnica
Esforço
Ponto mais alto
643 m
Ponto mais baixo
231 m
Melhor época do ano
jan
fev
mar
abr
mai
jun
jul
ago
set
out
nov
dez

Tipos de caminhos

Mostrar perfil de elevação

Informação de segurança

De outubro a maio, devem ser efetuados apenas os troços não condicionados.

Contatos úteis

SOS Emergência: 112

SOS Floresta: 117

GNR de Miranda do Corvo: (+351) 239 532 147

ADXTUR- Rede Aldeias do Xisto: (+351) 275 037 393 | (+351) 960 101 873

Dicas e sugestões

 O Sítio da Serra da Lousã–Rede Natura 2000, com uma acentuada orografia e variantes climáticas, alberga uma vegetação muito diversificada, com espécies como a azinheira, o castanheiro, o carvalho negral, o carvalho alvarinho e o sobreiro. As linhas de água e encostas, com a vegetação ripícola e matagal mediterrâneo, constituem habitats bem conservados. Possuindo um elevado interesse paisagístico e grande valor geomorfológico, as suas galerias ripícolas assumem grande importância para certas espécies da fauna. Encontram-se espécies como os azereiros, loureiros, azevinhos, heras e fetos reais. Entre as múltiplas espécies de fauna destacam-se a salamandra lusitânica e a rã ibérica, para além de algumas espécies com interesse cinegético, como o coelho bravo, o javali, o veado e o corço. Perto do cimo da montanha, na encosta oeste da Serra da Lousã, ergue-se do solo a a Aldeia do Xisto Gondramaz, um aglomerado de casas de pedra, com ruas estreitas, que sobressai no verde da paisagem.

Gastronomia

- Chanfana

- Sopas de Casamento

- Negalhos

- Chispe

- Galo

- Arroz Doce

- Nabadas

- Súplicas

Início

Gondramaz 40º 03' 42.7" N 8º16' 19.7"W | Chapinha (Parque de Merendas) 40º 04' 45.9" N 8º17' 33.5"W (631 m)
Coordenadas:
GD
40.062260, -8.274140
GMS
40°03'44.1"N 8°16'26.9"W
UTM
29T 561903 4434919
w3w 
///frequentar.linhos.convosco
Mostrar no mapa

Destino

Gondramaz 40º 03' 42.7" N 8º16' 19.7"W | Chapinha (Parque de Merendas) 40º 04' 45.9" N 8º17' 33.5"W

Itinerário

O Caminho do Xisto do Gondramaz- Nos Passos do Moleiro liga a Aldeia do Xisto do Gondramaz ao Parque de Merendas da Chapinha, podendo ser realizado nos dois sentidos. Partimos do final da rua principal do Gondramaz, pelo caminho que desce a encosta encontrando, passado pouco tempo, uma derivação que nos permite visitar o Penedo dos Corvos, ponto onde podemos desfrutar de uma espetacular vista sobre o vale. O perigo de queda obriga a atenção redobrada. De volta ao percurso principal continuamos a descer entre os castanheiros que constituíam o antigo souto da aldeia. Após passarmos pela saída sinalizada para o Galhardo, o caminho continua a descida até encontrar a Ribeira do Espinho junto a uma azenha e a uma refrescante cascata. A partir deste ponto, segue-se quase sempre junto ao leito da ribeira, cruzando-a nalguns pontos. O percurso abandona as margens da ribeira junto à Fábrica Cimeira, seguindo daí por estrada de terra batida até ao Parque de Merendas da Chapinha. Este trilho é uma viagem no tempo, que recorda o trajeto feito diariamente pelos moleiros que por ele acediam às várias azenhas que por ali se encontram. A frondosa vegetação que envolve quase todo o caminho e a ribeira com algumas cascatas tornam este percurso numa agradável opção nos dias mais quentes. O setor junto ao leito da Ribeira de Espinho está condicionado nos meses de inverno e em dias de muita precipitação. Um acesso à aldeia do Galhardo, permite sair ou entrar no percurso a meio, evitando o troço condicionado para quem desce do Gondramaz.

Nota


Toda a informação sobre áreas protegidas

Coordenadas

GD
40.062260, -8.274140
GMS
40°03'44.1"N 8°16'26.9"W
UTM
29T 561903 4434919
w3w 
///frequentar.linhos.convosco
Mostrar no mapa
Direções de transporte público, carro, a pé ou de bicicleta

Perguntas & Respostas

Faça a primeira pergunta

Aqui pode fazer perguntas ao autor.


Avaliações

Escreva sua primeira avaliação

Partilhe sua opinião com a comunidade.


Fotos da Comunidade


Dificuldade
moderado
Distância
5,5 km
Duração
2:40 h
Desnível acumulado positivo
85 m
Desnível acumulado negativo
447 m
Ponto mais alto
643 m
Ponto mais baixo
231 m

Estatísticas

  • Conteúdo
  • Exibir imagens Ocultar imagens
Funções
2D 3D
Mapas e caminhos
  • 6 Pontos de interesse
  • 6 Pontos de interesse
Distância  km
Duração : horas
Desnível acumulado positivo  m
Desnível acumulado negativo  m
Ponto mais alto  m
Ponto mais baixo  m
Mova as setas para alterar o recorte.